Dicas de Saúde

Gengivite e Periodontite nos usuários de aparelho fixo

O que é gengivite?

Gengivite é uma inflamação da gengiva que pode comprometer um ou mais dentes.

Quais as causas da gengivite?

A gengivite é causada pela placa bacteriana – também chamada biofilme – uma película de cor branca, cinzenta ou amarelada que se forma continuamente no ambiente bucal e adere à superfície dos dentes. Se não for removida diariamente por meio da correta escovação e do uso do fio dental, a placa bacteriana produzirá toxinas que podem irritar o tecido gengival, causando a gengivite.
Adicionalmente, alterações hormonais que ocorrem na puberdade, durante a menstruação, na gravidez e na menopausa também podem provocar gengivite, exigindo acompanhamento odontológico e cuidados de higiene bucal especiais e redobrados.
Enfermidades – tais como herpes labial, diabetes, epilepsia, AIDS, leucemia e hipovitaminose -, reação alérgica ou efeitos colaterais de certos medicamentos podem predispor o paciente à ocorrência de gengivite.

Quais os sintomas da gengivite?

A gengivite pode ocorrer em qualquer idade, mas sua manifestação é mais comum entre os adultos. Os principais sintomas são gengivas vermelhas, intumescidas, flácidas ou que sangram durante a escovação ou o uso do fio dental. Se for detectada em seu estágio inicial, a gengivite pode ser revertida.

Qual o tratamento da gengivite?

O tratamento da gengivite consiste em profilaxia (limpeza e remoção de placa bacteriana e, se necessário, de tártaro) executada pelo dentista, além de orientação para uma correta técnica de escovação e uso de fio dental. É necessário, também, que o dentista avalie se há presença de tártaro abaixo da linha da gengiva, o chamado tártaro subgengival.

O que é tártaro?

O tártaro, também conhecido como cálculo dentário, é a calcificação da placa bacteriana que recobre os dentes e parte das gengivas, causado pela má higiene bucal. Sua remoção deve ser feita exclusivamente pelo dentista.

O que acontece se a gengivite não for tratada?

Sem os cuidados necessários, o tártaro acima da genviva (supragengival) começa a se depositar na parte interna da gengiva (tártaro subgengival), formando a chamada bolsa periodontal, que afasta a gengiva dos dentes . Nesse estágio, diz-se que a gengivite evoluiu para a periodontite.

O que é periodontite?

Pode-se dizer que periodontite ou doença periodontal é uma forma mais grave da doença gengival, que compromete todos os tecidos ao redor do dente (periodonto). Quando o tártaro subgengival não é removido ocorrem perda óssea, retração da gengiva e, consequentemente, mobilidade e perda dos dentes.

Quais os sintomas da periodontite?

Muitas vezes os sintomas da periodontite são os mesmos da gengivite, ou podem estar acrescidos de dentes que se separam da gengiva, podendo provocar formação de bolsa periodontal, mudanças na forma como os dentes se encaixam quando se morde, secreção de pus ao redor dos dentes, mau hálito constante ou gosto ruim na boca.

Qual o tratamento da periodontite?

Dependendo da extensão da periodontite, o tratamento pode variar amplamente. Se a doença for diagnosticada precocemente, podem ser realizados procedimentos simples que irão remover a placa bacteriana e o tártaro, e eliminar as bactérias causadoras da infecção. Entretanto, se a doença avançou a um ponto onde as bolsas periodontais estão muito profundas e o osso de suporte foi perdido, cirurgias podem ser necessárias.
Após a fase ativa do tratamento da periodontite é necessário realizar um acompanhamento periódico com o controle de placa, de acordo com o intervalo determinado pelo dentista.

Aparelho Ortodôntico causa gengivite e periodontite?

Aparelho ortodôntico não causa doença periodontal. O que causa gengivite e periodontite é a presença de placa bacteriana, que pode se transformar em tártaro.

RECOMENDAÇÕES

* Utilize a técnica correta para escovar os dentes. A boa escovação e o uso do fio dental são essenciais para uma boca saudável, devendo ser efetuados após cada refeição e antes de dormir.

* Faça visitas regulares ao dentista e fique atento quanto à ocorrência de mudanças no aspecto de seus dentes ou gengiva.

* A ocorrência de sangramento indica que algo não está correto; neste caso, não hesite e procure logo seu dentista.